A Era do especialista dá espaço para a Era do profissional multipotencial


Enfim a Era do profissional especialista perde espaço para o profissional multipotencial ou polímata. Convido você a fazer esta reflexão porque é um posicionamento pessoal e profissional que diz respeito a todos nós.


Ao mesmo tempo em que vivemos a tendência que nos empurra a sermos profissionais cada vez mais especializados, surge um movimento contrário, que acolhe a multiplicidade de interesses.

Multipotencialidade é um termo que se refere às pessoas que têm tendência para desenvolver interesses em áreas distintas em vez de se focarem apenas numa. O multipotencial é o oposto de um especialista. Tem uma verdadeira necessidade de explorar interesses e curiosidades, e muita dificuldade em escolher apenas uma coisa. Dificuldade esta que se pode transformar em angústia e ansiedade.


Barbara Sher, no livro “Refuse to Choose!” fala sobre as características do indivíduo multipotencial e como é possível utilizar todos os interesses, paixões e hobbies para construir vida e carreira sem ser especialista.


Multipotencialidade refere-se ao potencial de uma pessoa em vários campos, devido aos seus diversos interesses e tentativas. Polímatas, por outro lado, são distinguidos pelo seu domínio e experiência em vários campos. Nesse sentido, multipotenciais podem ser vistos como potenciais polímatas.


Multipotencial e polímata, apesar de não serem conceitos novos, são dois perfis que ganham relevância no mercado de trabalho atual pela multiplicidade de interesses, surgindo como uma evolução social das gerações expostas ao excesso de informações.


A universidade espanhola Deusto Business School, em conjunto com a empresa 3M, especializada em inovação, investigou a importância deste fenômeno:


Em um cenário acelerado, em que a cada 10 anos se duplica a produção científica, a polimatia parece fazer um novo sentido. A mudança tecnológica e a competência global gera mais incentivos que nunca para a inovação, e a economia digital constitui um campo rico para que o polímata desenvolva seus talentos.

E vai além:

Nesse contexto, os trabalhadores mais valiosos no futuro não serão os melhores engenheiros ou programadores, mas sim os polímatas: pessoas com grande conhecimento técnico, mas também capazes de compreender as necessidades da empresa e seus clientes. A razão é que o êxito empresarial vem determinando nem tanto pelo grau de sofisticação tecnológica de desenvolvimento, mas sim pela adaptação à vida das pessoas.

O estudo revela que, hoje em dia, um polímata é um profissional com conhecimentos técnicos e humanísticos (ou empresariais ou científicos), uma mente flexível e a capacidade de contribuir com soluções criativas.


Elon Musk, CEO da Tesla, é um exemplo. Formado em Física e economia, Musk junta a sua paixão pela tecnologia e pela ciência à capacidade como empresário.




Você já percebeu que estamos migrando das carreiras tradicionais para as carreiras de portifólio? A geração millenial já reflete a necessidade de novas aprendizagens e mudança rápida de projetos. Os nativos digitais valorizam oportunidades de desenvolvimento pessoal e profissional e a garantia de que as suas capacidades estão sempre em constante desenvolvimento porque acreditam que é a melhor forma para avançar na carreira. Mudar de trabalho faz parte do desenvolvimento desta geração, o que já causa uma revolução na gestão de recursos humanos.


Como comunicar a marca pessoal de um multipotencial

Ainda hoje a cartilha das boas práticas do branding pessoal sugere que pessoas se posicionem como especialistas porque assim transmitem mais credibilidade, comunicação clara e referência. E no caso dos polímatas não é diferente. Pessoas que têm mais de uma atividade profissional e múltiplos interesses pessoais e profissionais precisam comunicar com equilíbrio, clareza, intenção.


Fica mais fácil entender com exemplo. Veja abaixo a descrição do perfil de Gabriela Prioli na Wikipedia.




Gabriela Prioli ganhou alcance e mais visibilidade a partir de sua participação na CNN Brasil, no quadro "O Grande Debate", em que falava sobre diversos temas da atualidade. Embora advogada criminalista e professora universitária como atividades principais, transita pelo comentário político (autora do best-seller "Política é Para Todos"), e entretenimento, recentemente com o programa "À Prioli", que entrevista personalidades diversas.


Agora preste atenção sobre como ela se descreve no Instagram:





Gabriela é um case de múltiplos interesses e polimatia: se posiciona como apresentadora de programa de entrevistas (variedades) e segue advogada criminalista, e nem por isso tem sua imagem de marca pessoal abalada ou em descrédito. Consegue comunicar e separar as atividades com clareza, de modo que sejam (até) complementares.


Outro exemplo é o banqueiro norte-americando David Solomon, CEO do banco Goldman Sachs, 60 anos, que desde 2015 também é DJ. O chefe do Goldman Sachs vai se apresentar no maior festival de música dos EUA, o Lollapalooza, ao lado de Dua Lipa e Metallica em julho de 2022.

Em um podcast no ano passado, ele disse que fazer música o ajudou a relaxar - e apesar de alguns dizerem que isso representava um risco para sua carreira bancária, ele não viu a necessidade de parar de se apresentar. "Eu pensei sobre isso e disse: 'Eu gosto disso, não estou fazendo nada de errado, não estou infringindo nenhuma lei, estou me divertindo'", disse ele. "Por que eu deveria parar de fazer algo que eu estou realmente gostando?"




Veja como ele se descreve no Instagram:



Essa mudança de paradigma para as marcas pessoais será cada vez mais real e frequente. Muitos já vivem essa realidade de desenvolvimento de múltiplos interesses e funções profissionais mas têm receio de comunicar porque temem a confusão, o descrédito, o abalo no posicionamento como referência em uma atividade (o que não, necessariamente) exclui outras.

Luciane Bemfica é multipotencial: jornalista, especialista em gestão e desenvolvimento de marcas pessoais, empreendedora: @amecandlestore.

www.lucianebemfica.com

Instagram: @lubemfica



20 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo